O que é CPM, CPC, CPL, CPA e CPI e qual a diferença entre estes conceitos?

Hoje você entenderá o significado de todos estes termos mais técnicos que os profissionais de marketing usam

Neste artigo eu quero explicar alguns termos que são usados no mundo do marketing digital e da publicidade online em geral, para que você tenha uma ideia mais clara do que está fazendo, principalmente se você ainda está tentando entender qual é o melhor formato de anúncio para sua estratégia de marketing digital.

Vou tentar explicar cada um dos termos para você saber como usá-los a cada momento e, assim, ter mais possibilidades de realizar campanhas publicitárias rentáveis para o seu negócio. Vamos começar.

No mundo da publicidade online, existem três métricas, três valores, fundamentais e básicos que são o que indicam o preço a pagar por uma campanha de marketing.

Existem muitas outras métricas secundárias, mas vamos nos concentrar nos principais conceitos, porque com esta informação você já poderá começar a trabalhar.

Podemos pagar pelas impressões, ou seja, pelo número de vezes que os usuários veem nosso anúncio.

Nós também podemos pagar por “cliques”. Neste caso, não precisamos nos preocupar com quantas vezes as pessoas irão ver nosso anúncio, pois só vamos pagar quando um usuário clicar para acessar nossa landing page.

E a última métrica seria a conversão. Nesta opção, só pagamos quando o usuário que acessou nosso anúncio completar uma ação, que foi previamente definida: inscrever-se em nossa newsletter, preencher um questionário, adquirir nosso produto ou serviço.

Nos próximos parágrafos, vamos começar a falar detalhadamente sobre cada uma destas siglas, seu significado e suas diferenças.

qué es el cpm

· O que é CPM?

Esse acrônimo significa custo por mil impressões. E isso significa que você pagará uma certa quantia para cada 1.000 visualizações do seu anúncio.

Para aqueles que ainda estão começando, ou querem criar uma campanha de branding, trabalhar com CPM pode ser vantajoso, pois geralmente é um método mais barato do que as outras opções que veremos mais tarde.

Trabalhando com CPM, você garante um grande público para seu anúncio, de fato, esta é sua principal vantagem. No entanto, este número elevado de impressões nem sempre será traduzido em clicks ou conversões.

· Em quais situações vale a pena trabalhar com CPM?
Nesse tipo de métrica, o que se busca é obter visibilidade, por isso o preço é calculado com base em 1.000 impressões. Dependendo das palavras-chave que você usar para atrair o público-alvo do seu anúncio, o preço pode variar muito, uma vez que quanto mais empresas estiverem competindo pelo mesmo espaço, mais precisaremos pagar para exibir nosso banner.

Imagine que você está criando um anúncio com palavras “baratas” para definir o alvo de sua campanha. Se você pagar $1 por cada 1000 impressões e definir um orçamento de $10 para sua campanha, seu banner será exibido 10000 vezes para visitantes minimamente interessados em seu anúncio.

Por apenas $10, você terá anunciado para 10.000 clientes em potencial.

Mas você terá pago esse preço não por cliques ou conversões, apenas por visualizações do seu anúncio. É por isso que esse método é recomendável para branding, mas não é a opção usada pela maioria das empresas, uma vez que é quase impossível prever e garantir o retorno do seu investimento. Podemos ganhar dinheiro com uma campanha de CPM, mas o ROI destes anúncios pode variar drasticamente.

Empresas que trabalham com CPM estão pagando por exposição de um produto ou uma marca, o foco principal destas campanhas não é a conversão imediata.

Usando o exemplo anterior, se você pagou $10 para exibir seu banner para 10000 visitantes, muito provavelmente você conseguirá alguns cliques, alguns destes visitantes irão acessar seu site e passar através do processo de conversão, para: inscrever-se, preencher um formulário, comprar.

Para campanhas de CPM, ROI (retorno do investimento), não é o fator mais importante, embora seu baixo custo possa fazer a diferença no resultado final. Dependendo do valor do que estamos anunciando, no caso do exemplo anterior, com poucas conversões poderíamos recuperar o dinheiro investido e conseguir algum lucro.

Resumindo. Quando você inicia uma campanha publicitária usando CPM, o que você está procurando é dar visibilidade à sua marca com anúncios segmentados que serão exibidos para um alto número de pessoas.

O custo por mil visualizações é a base de cálculo. Podemos criar campanhas com orçamento fixo ou limitar a quantidade de dinheiro que queremos gastar por dia. Ambas opções podem ser interessante, mas se você tiver um orçamento muito baixo, é melhor distribuir seu investimento em vários dias para testar a eficácia da sua campanha, pois se você gastar seu orçamento em pouco tempo, você não terá tempo para fazer os ajustes necessários em sua campanha.

qué es el cpc

· O que é CPC?

Mesmo que você não acredite, os anúncios de CPC são os mais comuns e provavelmente os que você mais conhece.

Neste caso, estamos falando sobre Custo por Clique. Este formato é muito usado no Google e em todas as suas plataformas. Toda vez que você faz uma pesquisa no Google, ou em qualquer outro mecanismo de busca, as primeiras posições são ocupadas por anúncios pagos. E o anunciante terá que pagar se o usuário clicar em um dos seus banners.

Portanto, o CPC, é uma maneira de anunciar onde você paga apenas quando o usuário clicar em seu anúncio, não se ele apenas visualizá-lo como em campanhas de CPM.

· Porque trabalhar com CPC?

Neste caso, não estamos pagando por branding, mas sim para atrair visitantes reais que irão acessar a URL de destino. Esta URL pode ser uma landing page, um artigo em seu blog, uma loja online ou qualquer outra página que você deseja promover.

Esse tipo de anúncio pode ser mais caro, mas o tráfego gerado será muito mais segmentado:

Na maioria das plataformas de anúncios, você pode definir um limite máximo para sua campanha, não importa o formato escolhido. Continuando com o exemplo anterior, se você definir um limite de $10 para sua campanha, você gastará apenas esta quantia, mas a diferença é que neste caso o número de pessoas que você iria atingir seria muito menor.

Tudo depende do valor das palavras-chave que você selecionar ao criar seu anúncio. Se a concorrência pelas keywords que você quer posicionar for muito alta, você poderá gastar uma quantia considerável de dinheiro por cada clique. Dessa forma, você poderia pagar $0.01 por clique, enquanto outro anunciante que está trabalhando com keywords mais concorridas poderia ter que pagar $2 pelo mesmo número de cliques.

O sucesso deste tipo de campanha vem da ação subsequente do visitante. Se ele acessar o seu site e acabar comprando seus produtos, ter que pagar $2 por clique poderá valer a pena, pois você ganhará muito mais dinheiro com o produto que você vendeu.

Portanto, o importante nesse tipo de campanha é escolher primeiro as melhores palavras-chave e criar uma landing page estruturada e otimizada para aumentar a taxa de conversão, que pode ser:

Uma compra, uma assinatura, ou qualquer outra ação.

Hoje em dia, existem profissionais experts em CPC que podem obter resultados fantásticos com pouco investimento. Isto significa que estas campanhas podem ser rentáveis para todos, pois embora seu custo possa variar, suas taxas de conversão são muito mais altas do que em campanhas CPM.

 

· O que é CPL?

O custo por lead é outra forma de publicidade online muito tradicional, principalmente para produtos mais personalizados.

Campanhas de CPL tem objetivos muito mais definidos. Este objetivo poderia ser conseguir leads para baixar um software, para se cadastrar em uma página, para completar um pedido ou se inscrever em uma newsletter.

Nesta modalidade de anúncio, você não pagará para exibir um banner, nem por um clique. você paga quando o usuário executar uma ação específica que será previamente definida.

Ou seja, não importa quantas vezes um banner será exibido, nem quantos usuários tenham interesse em clicar para visitar uma landing page. Se eles não fizerem o que queremos que eles façam, não teremos que pagar nada.

· Porque não trabalhar apenas com CPL?

Parece lógico pensar que vale a pena trabalhar apenas com CPL, uma vez que teremos resultados muito melhores com estas campanhas, mas esta nem sempre é a opção mais rentável, por motivos que veremos em seguida.

Com campanhas CPL, as empresas buscam aumentar sua base de dados com leads que estão interessados em seus produtos ou serviços e que desejam receber mais informações sobre eles, por isso estas empresas podem enviar-lhes suas newsletters.

Com o passar do tempo, esses usuários poderão comprar ou contratar seus produtos ou serviços.

O custo de uma campanha com CPL dependerá do dinheiro que você deseja investir nela. Você só paga pelos leads que recebe, por exemplo pelos usuários que completarem um Formulário de contato voluntariamente.

Esta opção pode ser muito interessante não só para obter grandes quantidades de informações sobre potenciais clientes interessados em seus produtos ou serviços, mas também para uma campanha de branding, pois o banner será exibido milhares de vezes até que os objetivos da campanha sejam cumpridos.

Seu anúncio poderia ser visto por milhares de usuários todos os dias, mas se eles não se cadastrarem ou comprarem, a plataforma irá continuar exibindo o anúncio.

Se você conseguir um número muito baixo de leads, você poderia pensar que sua campanha não está funcionando, mas isto não é verdade.

Lembre-se que estes usuários estão vendo seu anúncio e que em outra campanha, eles poderiam decidir confiar em você e se inscrever, para baixar um catálogo, para receber mais informações sobre seus produtos ou sobre suas ofertas.

Este tipo de campanha tem muitas vantagens, porém seu custo será proporcionalmente muito mais elevado, pela simples razão de que a plataforma terá que exibir seu anúncio para um número muito maior de usuários antes de receber algum dinheiro.

Isto é, eles terão que gastar tempo e espaço para gerar leads, porque se seu anúncio não está convertendo, você não está pagando-os.

qué es el cpa

· O que é CPA?

Este termo é traduzido como “Custo por aquisição” pelas suas iniciais na gíria usada pelos profissionais de marketing e publicidade na Internet.

Especificamente, é o custo total investido para materializar uma venda. Geralmente é o melhor sistema para anunciantes, mais eficaz do que outros formatos como o CPC ou o CPM, sendo inclusive mais específico que o CPL.

Isso é porque você paga apenas por venda feita a um cliente. O custo por aquisição é usado, por exemplo, em vendas comissionadas ou “Marketing de Afiliados”.

· Como o CPA funciona?

Também podemos calcular o CPA para cada estratégia usada para promover o nosso site: posicionamento SEM ou Google AdWords, SEO, banners nos conteúdos do blog, e-mail marketing, etc.

É muito fácil calcular o CPA em uma campanha de marketing online, porque matematicamente o algoritmo é muito simples: Basta dividir o custo total da campanha de publicidade pelo número de conversões.

Este tipo de propaganda é, de longe, a mais cara. No entanto, é muito eficiente e o investimento é facilmente recuperado quando a campanha é criada corretamente.

que es el cpi

· O que é CPI?

Em campanhas criadas com custo por instalação, o anunciante irá pagar se o usuário instalar um software ou um aplicativo.

O número de aplicativos está crescendo vertiginosamente. Diariamente são criadas novas aplicações para uso em computadores e smartphones e as pessoas que estão criando-os precisam encontrar usuários para baixar e instalá-los.

Em uma campanha de CPI, você não pagaria por impressões, nem por leads. Ou seja, esta é uma modalidade muito específica, recomendada para criadores de aplicativo e software houses.

O anunciante só irá pagar quando o usuário baixar e instalar um software ou aplicativo, no caso de smartphones.

Pense em todos os tipos de aplicativos para smartphones e tablets. Se você instalar um destes aplicativos depois de clicar em um anúncio, o criador da campanha pagará porque você instalou seu aplicativo.

· Para que trabalhar com CPI?

Esta é uma forma muito eficaz de anunciar porque só iremos pagar quando o usuário instalar o software que estamos promovendo.

Existe alguma forma de publicidade mais eficaz? Você só paga quando o visitante instalar seu aplicativo. Estas campanhas geralmente são muito caras, dependendo da palavra-chave que você escolher, pois seu anúncio precisará ser exibido um número muito elevado de vezes até que um usuário seja induzido a baixar e instalar o software.

CPM, CPC, CPL, CPA y CPI

· Qual é o papel de cada um deles no contexto da publicidade online?

Como resumo, agora que você já sabe o que cada um destes acrônimos significam, vou tentar explicar o papel de cada uma destas modalidades, para que você entenda como trabalhar com CPM, CPC, CPL, CPA e CPI.

O primeiro que vimos, CPM, é o mais barato, custo por cada mil impressões. Esta opção é perfeita para criar uma campanha de branding e divulgar sua marca.

Se você está começando, se você quer dar um impulso digital para seu negócio, essa é a opção perfeita para criar uma campanha paga e começar a fortalecer sua marca.

Se ninguém conhece sua marca, é mais difícil vender pois seus visitantes não irão confiar em sua proposta de vendas.

Mas se você estiver trabalhando com uma marca conhecida, pelo menos por algumas pessoas, será mais fácil vender pois eles estarão mais dispostos a acreditar em sua marca.

Com as campanhas de publicidade de CPC, Custo Por Clique, já alcançamos um público mais reduzido (ou não), mas certamente mais interessado no que estamos oferecendo.

O visitante já conhece você, ele sabe quem você é ou o que você faz; ele confia mais em você e por isso ele está clicando em seu banner para ver o que você está vendendo ou oferecendo.

Poderíamos dizer que se você decidir investir em publicidade, esta seria a segunda fase da sua estratégia de anúncios pagos.

Na terceira fase, você poderia usar anúncios por CPL, custo por lead. Nesta etapa, o usuário confia tanto no website, que ele preencherá formulários com seus dados de contato para receber ofertas, descontos, catálogos e conteúdo.

É claro que, se você não confia em um site, você estará relutante em fornecer todas as suas informações de contato, pois você poderia ter medo de receber spam ou inclusive vírus.

Para usar esta forma de publicidade, você deve ser conhecido, reconhecido e confiável. Não é a melhor maneira de começar para uma pequena empresa.

As últimas duas modalidades são para usuários que já são clientes e trabalham com seus aplicativos. A publicidade por CPI, custo por instalação, é a mais usada por todas as startups de desenvolvimento de programas e aplicativos porque não há nada mais eficaz do que pagar apenas depois que o usuário finalizar a instalação do aplicativo.

Fonte:blog.mailrelay